Portal do Governo Brasileiro

Central de Mídia do Ministério da Educação

Trilhas da Educação - O sonho da graduação e os traços alternativos

You must have the Adobe Flash Player installed to view this player.
1945
Criado em 30 de Junho de 2016
Trilhas da Educação - O sonho da graduação e os traços alternativos
Descrição

Traços retos e curvos se ajustam para contornar o vento e resistir ao tempo. Riscos e rabiscos que vão resultar na próxima obra prima, talvez uma casa ou um arranha-céu que mudará a paisagem, ou se integrará a ela.

Na terra que tem como destaque os prédios idealizados por Oscar Niemeyer, considerado um dos maiores arquitetos do planeta, a trabalhadora Ana Caroline Ramalho Ramos, 26, decidiu estudar para também ser arquiteta.

A jovem moradora de Brasília teve um fator decisivo que não é tão incomum na hora de decidir pelo curso de graduação: manter o trabalho era essencial para que Ana conseguisse estudar.

“ A arquitetura acabou surgindo por acaso na minha vida quando eu fui fazer o vestibular eu vi que tinha essa vaga, e eu vi que o curso tinha em período noturno. Foi aí que eu optei por arquitetura, mas não era a minha inicial. “

Mesmo assim, com o passar dos semestres, as exigências da sonhada graduação foram aumentando. Ela precisava mais tempo para se dedicar aos estudos e, ainda, o estágio obrigatório.

“ E se eu optasse por sair ou cursar meio período meu salário iria diminuir, e eu não conseguiria pagar a mensalidade, que era em torno de R$ 1.100,00. Aí eu acabei optando pelo financiamento justamente pra que eu conseguisse fazer o estágio’’

Assim, Ana Caroline, que está no 9º semestre do curso de arquitetura, está conseguindo continuar seu caminho rumo ao diploma. Como ela, todos os anos milhares de estudante vêm buscando o Fundo de Financiamento Estudantil, o Fies, para conseguir estudar e só pagar depois de estar com a graduação concluída. Com o Fies os estudantes conseguem acessar ao crédito que necessitam com juros abaixo do valor de mercado e com 18 meses de carência para começar a pagar. Além disso, somente as instituições com boa avaliação no Ministério da Educação podem oferecer vagas, garantindo a qualidade do ensino pelo qual o estudante está pagando.

A força de vontade de estudar está fazendo de Ana Caroline a ser a primeira da família a conquistar uma graduação e, com seu exemplo de força de vontade e dedicação, está arrastando mais gente para os bancos escolares e universitários.

 “ A minha mãe ela parou no ensino fundamental, ela tá querendo retomar. A minha irmã não iria fazer graduação porque ela não tinha conseguido passar na faculdade pública de Brasília, dentro do curso dela. E aí, com isso, eu tô conseguindo arrastar outras pessoas.’’

O áudio está disponível gratuitamente para utilização das rádios.

Texto : Josiane Canterle / Narração : Fernanda Mastellari / Masterização : Jeyson Gonzaga e Milton Ferreira/ Vinheta : Luiz Antônio

Categoria: Boletim
Download: Veja todos os tamanhos disponíveis

Áudios

relacionados

Voltar ao topo

Categorias

Palavras

populares

© Ministério da Educação. Todos os direitos reservados | Desenvolvimento: DTI - MEC - Governo Federal